Pouso meus olhos sobre a janela do meu quarto e vejo a chuva cair. Acariciando as árvores com suas suaves e límpidas gotas. Separadas, nenhuma destas gotas que observo conseguiria saciar a sede daqueles que delas necessitam, mas juntas elas possuem o poder de transformar desertos em imensas florestas e trazer esperança para populações sedentas.

Analogamente, reflito acerca da importância da união. Vivemos em um mundo tomado pelo egoísmo, pela arrogância e ganância. Cotidianamente, vemos pessoas ferindo umas as outras e de quebra inocentes sendo afetados no meio de um fogo cruzado que poderia muito bem ser apagado se as pessoas parassem de pensar apenas nelas mesmas e olhassem para aqueles que estão ao seu redor.

Para quebrar a realidade atual precisaríamos de bastante esforço, mas precisamos lembrar de que: o amor sempre vencerá o ódio. Desta forma, precisamos nos unir como gotas de amor apagando as chamas provocadas pelo ódio e pelo egocentrismo. Gotas que separadas não podem alcançar grandes dimensões, mas que unidas e caindo cheias de amor podem trazer de volta a vida e a pureza para uma terra tão deturpada e sedenta por transformações.

SHARE
Previous articleNós, poesia.
Next articleAbraço casa
Ygor Phelipe
"Certa noite ele teve um sonho. No sonho, aves nadavam, peixes voavam e tudo parecia tão inverossímil que pela primeira vez viu sentido em algo. E assim, nasceu um sonhador, um homem de mil faces, de milhares de heterônimos e com uma paixão, dar vida aos sonhos por intermédio das palavras. Este é Ygor, pseudônimo Phelipe A., poeta, romancista, apaixonado em palavras e nas viagens que elas nos proporcionam. Por isto, pegue um sonho, abra-o e viva."

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here