quinta-feira, dezembro 14, 2017
Home Crônicas

Crônicas

"Triste sina dos cronistas das grandes cidades. Não há nenhum exemplo ou uma lição que mereça uma boa crônica. Mais sorte tem os poetas ao dar voz à indignação da alma."

(Doracino Naves)

Quando me lembro dos caminhos que a minha vida me deu, meu corpo admite que, apesar das dores sentidas, a poesia esteve nas mãos, foram tantas as vezes que até deu tempo de vê-la feito areia fina que escorre...
Muitos amigos me perguntam porquê eu amo tanto girassol ( já plantei, inclusive, e para minha tristeza e maior desejo de tê-la, não "vingou"). Eu vou tentar explicar o porquê a amo tanto. Simplesmente, por ela é maravilhosa, porquê ela...
Acho incrível os efeitos desse negócio fictício do ''para sempre na vida''. Confesso também, que sempre fui uma escrava dessa ilusão. Ilusão, que de certa forma molha os lábios sedentos por beijos que anunciam uma sólida morada, e de...
Você percebe que amadureceu quando nada do que te irritava, te tirava do sério, te perturbava, hoje já não tem o mesmo significado pra você, não te tira do sério, não te irrita, muito menos te perturba. Você percebe que...
Nasceu gorda, mas era fofinha. Na infância virou baleia, rolha de poça (seja la o que for isso...), na adolescência teve distúrbio alimentar, na fase adulto é gorducha, feia, sem graça. Os amigos dizem que ela é "fofinha", "fortinha", "cheinha"...
E já dizia a linda e pequenininha Elis Regina, não quero lhe contar das coisas que aprendi nos livros, mas das coisas que a minha pele sentiu.   Eu quero lhe contar, meu amor, da última entrevista em que me saí...
A geração da globalização, da comunicação, da velocidade, das redes sociais e seus milhares de amigos. E também, a geração de tantos corações vazios. E sabe o que tentamos tapar? O medo de nos relacionarmos! Existem por aí aquele tanto...
Fez toda a falta do mundo um abraço em plena conchinha que não me queria ter apenas na cama. Fez toda falta do mundo um carinho nas minhas costas. As minhas costas são labirintos promocionais. Fez toda falta do...
Sabe de uma coisa? Depois que parei de reclamar pra todo mundo sobre minhas dores e entendi que minha felicidade só depende de mim, as coisas mudaram. Eu aprendi sozinho o que a vida estava tentando me ensinar. Tive...
São tantas as idas e vinda, os encontros e desencontros, que não sei bem quem somos. São tantas as palavras soltas, perdidas no espaço, juras eternas que se acabam em horas. São tantos os anseios, as lágrimas de saudade e a...
1,077FansLike
761FollowersFollow
303FollowersFollow

Mais Lidos