Arquivos Overdose Poética - Giz Da Alma
quinta-feira, novembro 15, 2018
Home Overdose Poética

Overdose Poética

"O pensar que não nos leva a lado nenhum leva-nos a todo lado; todo o outro pensar é feito sobre trilhos e, por muito longo que seja o percurso, no fim ergue-se sempre (...) a rotunda de recolha. No fim há sempre uma lanterna vermelha que diz: Pare!" (Henry Miller)

Eu já fui rei Já fui rainha Fui camponesa Em uma humilde casinha. Já fui mocinha
Hoje eu acordei E senti falta do seu cheiro Deu saudade de deitar no seu colo Enquanto você mexia no meu cabelo.
Eu te odeio Odeio tudo em você Odeio como você anda Odeio o fato de não me querer. Odeio quando me cumprimenta
Nesse fim de tarde desejei muito mais Do que os outros dias estar com você Fechava os meus olhos e a única imagem Que vinha em minha mente...
O que dizer do amor? Ele é tão bobo que te deixa boba também Te faz agir feito idiota  E não querer mais ninguém. Você perde noites de sono E tudo fica sem graça As horas ficam mais lentas  E assim o...
Te vejo tão linda  Fitando o nada E sorrio sozinha Imaginando no que pensava. Então me recordo Da cara que você fazia Me xingando de cachorra Enquanto eu te mordia. E por todo o seu corpo Minha mão passeava E me beijando...
Essa nossa poesia é soneto de dois corações Que se encontraram. É um poema em construção, Um enredo tão único, tão suave, tão nosso...   Essa nossa poesia é ritmada Por sentimentos verdadeiros E uma pitada de companheirismo e lealdade.   Essa nossa poesia é encontro, É vontade de...
Pela janela vejo toda multidão Pessoas pela calçada movimentando O trânsito habitual como todos os dias, A "Avareza" passava por alí... A "Luxúria" com a...
Se liberte comigo ètoile Descrevo em versos  pequenos Essa tal forma de amor Pois quero viver com você Em um mundo chamado pra
Desde muito tempo Você tem sido minha amiga, Não me deixou em nenhum momento Da minha triste vida. Do momento que acordo
1,071FansLike
758FollowersFollow
289FollowersFollow

Mais Lidos