Eu nunca tive paciência para esperar as coisas acontecerem. Tudo o que quis ao longo da minha vida, eu fui lá e fiz. Tentei e consegui. Lutei e conquistei. Podem me chamar de grosso, egoísta, individualista, mas é assim que sempre consegui o que queria, não haveria porque mudar, senão, por causa dela.

 

Ela com aquele sorriso discreto, meigo, aquele olhar cheio de ternura. A pele dela me lembrava a textura de um pêssego, macia, suave e delicada. O cabelo reluzia, ornava perfeitamente com aquela voz tão suave, encantadora. Cheguei à conclusão, era a mais perfeita obra prima de Deus.

 

Eu sabia que não adiantava chegar afoito como sempre fui, ansioso para conquistar o que eu queria, mesmo que eu quisesse demais ser o motivo daquele sorriso. Eu sabia, era ela. Eu precisava mostrar o melhor de mim. Precisava mostrar pra ela o quão verdadeiro era meu sentimento por ela.

 

Verdade. Essa foi a primeira palavra com que ambos se comprometeram. Sempre agir com verdade. E acho que é por isso que estou apaixonado, e sei que ela também. Nossas conversas longas, não duram minutos, elas duram o dia todo. Eu tenho esse defeito insanável de querer tê-la perto de mim toda hora. A voz dela faz com que ela se aproxime cada vez mais.

 

Foram necessários poucos minutos para eu perceber a jóia que estava ali, diante de mim. O mais difícil agora, é mostrar que sou merecedor daquela jóia, que eu tenho o direito de tomar aquele coração pra mim e cuidar dele só por esse restinho de eternidade.

 

Com ela é assim, não me da vontade de parar de agradá-la. Uso todo meu repertório de causos engraçados, piadas prontas e situações constrangedoras com um único objetivo, que ela não pare de sorrir jamais. É isso que sinto e repito, essa vontade incessante de ser o motivo daquele sorriso, e que ele seja eterno.

 

Pode parecer loucura, mas vai dizer que existe sentimento são? Vai dizer que a paixão tem explicação? Vai dizer que minha hora de ser feliz não chegou?

 

Se tiver uma música que retrata isso muito bem, é Eduardo e Mônica da banda Legião Urbana: “Quem um dia irá dizer que existe razão para as coisas feitas pelo coração”.

 

É ela. Não sei, apenas sinto. Sentimento não tem razão, não tem explicação. Sentimento se sente, se vive. Quero viver esse sentimento para sempre.

1 COMMENT