Se eu pudesse deixar conselhos para minha posteridade seria:

Faça exatamente o que te move, o que você ama. Fique com a pessoa que você quer, mas não perca a sua dignidade nunca. Coma e beba o que deseja. Se exercite. Ouça todas as músicas possíveis. As impossíveis também. Veja filmes que não são vinculados pela mídia. Veja documentários de madrugada. Leia livros. Coma-os. Seja ridículo uma vez na vida. Mas não sempre. Não seja exagerado. Seja um romântico incurável e cauteloso. Ouça Caetano e Lulu. Não esqueça o tio Chico. Seja como Vinicius de Moraes… Não se canse do amor.

Faça sexo com proteção. Faça amor na ausência dos medos. Nunca faça sexo sem vontade. O tesão move tudo. Saiba ser ajuizado. Mas se vista da loucura em instantes compartilhados.

Seja apaixonado por solidão. Desfrute dela e aprenda a viver só. O mundo não gosta de gente carente. Nem eu. Mas se a carência bater juntinho com uma bad na sua porta, coma uma panela de brigadeiro e coloque uma música da Beyoncé bem alto e dance como um louco na frente do espelho. Sorria da sua loucura. Sorria da sua falta de juízo. Sorria dos seus erros. Não se martirize tanto. Aprenda sempre. Viaje o máximo possível. Abrace sua mãe mais que puder. Beije seu pai na testa mil vezes. Ame seus avós. Faça tudo por seus irmãos. Respeite a sua família. Por mais complicado que isso seja. Eles nunca te abandonam.
Se entrar na vida alheia, não se esforce em não partir. Deixe a vida seguir seu curso naturalmente. As vezes, tudo o que nos cabe é apenas permanecer nas lembranças dos dias vividos. Ame os seus amigos. Mas acredite: São bem raros os verdadeiros. Então, não seja um filha da puta. Valorize-os. Você não se verá mais feliz.
Estude e trabalhe por prazer somente. Encontre um norte na vida. E deixe o amor bagunçar você. Deixe os sonhos te mostrarem que a vida pode ser bem maior que os scripts já escritos. Sempre tem aquele momento que a gente pode simplesmente jogar tudo para o alto e começar de novo. E começar a finamente ser feliz. Viver feliz. Criar um mundo mais feliz. Estaremos então por um triz. Por um momento de glória. Por um momento de pertencimento pessoal sem o qual ninguém consegue se encontrar. E cá entre nós, filhotinhos, desconfio que toda a fórmula de sorrisos foi escondida aqui. Dentro de ti.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

SHARE
Previous articleTempestiva
Next articleConto de fadas da vida real
Natália Rezende
Um ser amor. Acredita em contos de fadas e em todos os mundos mágicos do universo das palavras. Das mais certas, mas também possuí incertezas. Um pouco louca. Escreve e sonha.