Nesse momento

 A dor invade meu peito

 Sinto meu coração sangrar

 Voando contra o vento.

Pois sem tu

Princesa da escuridão

Minha alma chora

No aconchego da solidão.

Choro lágrimas de sangue

Numa guerra já perdida

Choro lágrimas de sangue

Lutando para não perder a vida

Meu espírito me condena

Sou uma criatura sem sorte

Pois sem você eu não vivo

Agora só me resta a morte.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

SHARE
Previous articleVítima do corpo negro
Next articlePode se abrir comigo
Karoline Antonia
Escrevo para acalmar a alma.