Overdose Poética

Desencanto

Passo na mesma rua Do nosso primeiro beijo Sento no mesmo banco Do nosso primeiro encontro, Na mesma sorveteria de sempre… Meus passos são lentos e tristes… Sorrisos que não são mais os mesmos, Resenha que não têm mais graça, …

Crônicas

Perca tempo, ganhe vida

As pessoas, o tempo, o mundo… tudo, ultimamente, anda em aceleração constante. Correria, compromissos, prazos, responsabilidades… E tudo isto nos consumindo! Qual foi a última vez que almoçou com seus pais? Foi ao cinema com os amigos? Esteve no parque …