Existem alguns princípios dos quais a vida não abre mão, e um deles é a temporalidade das coisas.

Tudo o que vivemos, por mais emocionante ou impactante que seja, tem tempo para começar e para terminar. À primeira vista, isso é ruim, afinal procuramos um lugar aonde possamos nos hospedar permanentemente, e a este lugar demos o nome de felicidade. Passamos a vida nessa busca, e quando encontramos MOMENTOS que nos remetem a esse lugar, tratamos logo de tentar criar uma morada, de proteger, de tentar manter. Porém, por maior que seja o esforço, os momentos são momentos, e passam pelas nossas mãos como grãos de areia…. A gente demora a compreender esta verdade, que tudo está passando, inclusive a vida.

E diante disso o mais sábio a se fazer seria aproveitar cada MOMENTO ao máximo, e quando chegar a hora dele passar, simplesmente deixá-lo ir, agradecendo e retendo aquilo que deixou de bom, o que agregou a nossa verdade pessoal, isso merece permanecer.

As vezes no apegar do momentâneo, deixamos escapar o que deveria permanecer. Para se viver bem, é fundamental entender que a vida está sempre seguindo, e que, generosamente, ela sempre está nos convidando a seguir.

 

 

João Pedro Souza

Written by

João Pedro Souza

"Fez um caminho para mim, por onde eu não poderia ir."